5 de nov de 2011

Manuel de Barros: singelas palavras, sentidos exuberantes

 

Meninos do fim da tarde

“No fim da tarde, nossa mãe aparecia nos fundos do quintal :
Meus filhos, o dia já envelheceu, entrem pra dentro”.

 

 

Agua 3

“Quem anda no trilho é trem de ferro, sou água que corre entre pedras: liberdade caça jeito”.

 

 

Passaros na manhã

“E agora o que fazer com essa manhã desabrochada a pássaros”?

 

 

Abismo

“(…) E, aquele que não morou nunca em seus próprios abismos
Nem andou em promiscuidade com os seus fantasmas
Não foi marcado. Não será exposto
Às fraquezas, ao desalento, ao amor, ao poema
.”

 

 

anjinha

“Poesia é voar fora da asa”.

 

 

mundo_verde1

“O inventor aumenta o mundo”.

 

Manuel de Barros 1“Hoje o poeta Manuel de Barros é reconhecido nacional e internacionalmente como um dos mais originais do século e mais importantes do Brasil. Guimarães Rosa, que fez a maior revolução na prosa brasileira, comparou os textos de Manoel a um ‘doce de coco’.

Foi também comparado a São Francisco de Assis pelo filólogo Antonio Houaiss, ‘na humildade diante das coisas. (...) Sob a aparência surrealista, a poesia de Manoel de Barros é de uma enorme racionalidade. Suas visões, oníricas num primeiro instante, logo se revelam muito reais, sem fugir a um substrato ético muito profundo. Tenho por sua obra a mais alta admiração e muito amor.’

Segundo o escritor João Antônio, a poesia de Manoel vai além: ‘Tem a força de um estampido em surdina. Carrega a alegria do choro’’.

Millôr Fernandes afirmou que a obra do poeta é ‘única, inaugural, apogeu do chão.’

E Geraldo Carneiro afirma: ‘Viva Manoel violer d'amores violador da última flor do Laço inculta e bela. Desde Guimarães Rosa a nossa língua não se submete a tamanha instabilidade semântica’. Manoel, o tímido Nequinho, se diz encabulado com os elogios que ‘agradam seu coração’". Veja mais  sobre Manoel de Barros AQUI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Participe! Adoraria ver publicado seu comentário, sua opinião, sua crítica. No entanto, para que o comentário seja postado é necessário a correta identificação do autor, com nome completo e endereço eletrônico confiável. O debate sempre será livre quando houver responsabilização pela autoria do texto (Cida Alves)