17 de dez de 2011

Natalie Irish e Kseniya Simonova's fazem arte com beijos e areia

Para encantar o seu dia de domingo, deixo aqui a arte inusitada de duas jovens artistas plásticas.

Por Rita de Sousa

Sabemos sobre beijos que matam, beijos que enfeitiçam, beijos que encantam, beijos que conquistam; beijos de amor, de amizade, de paixão, de desejo; beijos de língua, estalados, na bochecha, de esquimó — uma infinitude de beijos, mas beijos que viram arte… essa é a primeira vez.

Observem a delicadeza dos traços na obra, detalhes de sombras, cílios e imaginem que este retrato de Marilyn Monroe foi feitos aos beijos, literalmente.

Esse é o trabalho de Natalie Irish, artista americana do Texas, que desde os 5 anos de idade choca e surpreende com seu trabalho. Sem usar as mãos, ela preenche o vazio das telas com retratos e autorretratos para cuja feitura utiliza apenas batom nos lábios e beijos na tela em branco.

 

 

A jovem Kseniya Simonova's acompanhada por diversos ritmos musicais "pinta" com areia. É uma belíssima e dramática performance artística que fala do amor e da guerra.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Participe! Adoraria ver publicado seu comentário, sua opinião, sua crítica. No entanto, para que o comentário seja postado é necessário a correta identificação do autor, com nome completo e endereço eletrônico confiável. O debate sempre será livre quando houver responsabilização pela autoria do texto (Cida Alves)