31 de out de 2013

"No Brasil, em média 18 Amarildos desaparecem nas mãos do Estado por mês" (Francisco Silva)

Imperdível a entrevista do historiador Francisco Carlos Teixeira da Silva sobre a prática institucionalizada de tortura na Polícia Militar e a criminalização dos movimentos sociais no Brasil.

 

“Entrevista com Francisco Carlos Teixeira da Silva, historiador da UFRJ e IUPERJ (Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro) dedicado aos estudos de assuntos contemporâneos, fala dos resquicios da ditadura militar nas ações da polícia e das ameaças da lei de terrorismo para a luta popular” (Causa Operaria TV).

 


Enviado pelo professor Marcos Loureiro, em 31 de outubro de 2013.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Participe! Adoraria ver publicado seu comentário, sua opinião, sua crítica. No entanto, para que o comentário seja postado é necessário a correta identificação do autor, com nome completo e endereço eletrônico confiável. O debate sempre será livre quando houver responsabilização pela autoria do texto (Cida Alves)