20 de ago de 2011

Chico Buarque com açúcar e com afeto









Guloseimas para alegrar seu domingo:
ricas rimas, metáforas majestosas
e vozes doces e mansas - quase sussurros,
que até dão arrepios no ouvido.






“Todo mundo conta
Que uma andava tonta
Grávida de lua
E outra andava nua

Ávida de mar







“Hoje eu vou sambar na pista, você vai de galeria
Quero que você me assista na mais fina companhia
Se você sentir saudade por favor não dê na vista
Bate palmas com vontade, faz de conta que é turista






“Toda gente homenageia
Januária na janela
Até o mar faz maré cheia
Pra chegar mais perto dela”







“Descansa no meu pobre peito
Que jamais enfrenta o mar,
Mas que tem abraço estreito, morena,

Com jeito de lhe agradar
.


Interpretação de Cristina Motta




“Quando ela chora
Não sei se é dos olhos para fora
Não sei do que ri
Eu não sei se ela agora
Está fora de si"






"Não solidão,
Hoje não quero me retocar
Nesse salão de tristeza
Onde as outras penteiam mágoas".






Um docinho a mais: Bebel Gilberto
reintrepreta o clássico
Close Your eyes





Acesse AQUI uma homenagem a Aurora Miranda e o Bando da Lua com imagens do filme "Você Já Foi a Bahia?" (Walt Disney, 1944) ao som da música Close Your Eyes de Bebel Gilberto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Participe! Adoraria ver publicado seu comentário, sua opinião, sua crítica. No entanto, para que o comentário seja postado é necessário a correta identificação do autor, com nome completo e endereço eletrônico confiável. O debate sempre será livre quando houver responsabilização pela autoria do texto (Cida Alves)