20 de ago de 2016

Subversão do instrumento por 2CELLOS

 

Luka Sulic e Stjepan Hauser, do 2Cellos (Foto: Artemost/Divulgação)


 
A gama com que tocam estes dois violoncelistas e a subversão que fazem com seus instrumentos - tradicionalmente consagrado à música clássica, são uma linda metáfora do conceito de Brincar. Isso é brincar, subverter a função de um objeto, extraindo deste ato o máximo de prazer, de alegria possível.

Subverter sem ferir a ninguém.

A alegria do brincar ocupa territórios no corpo. A expansão das fronteiras da alegria deixa pouco espaço para mágoas, ressentimentos e preconceitos. O contentamento instilado no brincar nos protegem do tédio, da desilusão, da rigidez e da necessidade de controle e, às vezes, nos salvam de desatinos.  

Cida Alves













Nenhum comentário:

Postar um comentário

Participe! Adoraria ver publicado seu comentário, sua opinião, sua crítica. No entanto, para que o comentário seja postado é necessário a correta identificação do autor, com nome completo e endereço eletrônico confiável. O debate sempre será livre quando houver responsabilização pela autoria do texto (Cida Alves)