25 de out de 2011

Debate aberto sobre o Projeto de Lei nº 7672/2010.

 

Bom dia a todos,


Compartilhamos com você que no dia 27/10/2011, das 11 às 12 horas, será realizado um  debate aberto sobre o Projeto de Lei nº 7672/2010.

Foram convidados para o debate:

Deputada Tereza Surita

 

 

 

Relatora do projeto de lei  a Deputada Federal Teresa Surita

 

Debatedores nacionais:

Dr. João Amaral

 

Dr. João Amaral (Ceará)

Doutor. Professor Adjunto do Departamento de Saúde Materno Infantil da Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Ceará (UFC). Médico pediatra especialista em Epidemiologia da Saúde da Criança. 

 

Dra. Marilucia Picanço

Dra. Marilucia Picanço (Brasilia)

Doutora em Pediatra, professora Adjunto na Universidade de Brasília. Consultora técnica chez Ministério da Saúde, Consulltora Técnica da área da Saude da criança e adolescente chez Organização Mundial de Saúde.

 

 

 

Dra. Evelyn Eisenstein (Rio de Janeiro)

Médica Pediatra e Clínica de Adolescentes, CRM: 52-17387-0, professora Adjunta da Faculdade de Ciências Médicas, coordenadora de Telemedicina, da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, membro da ISPCAN, International Society for Prevention of Child Abuse and Neglect, como representante para o Brasil, www.ispcan.org, membro da IAAH, International Association for Adolescent Health, como representante para o Brasil e América Latina (www.iaah.org).

 

Os interessados podem participar, via Internet, pelo link http://www.rute.rnp.br
Instruções:

1) Clique em mais informaçoes no anuncio da sessão que fica localizado no calendário dos proximos eventos
2) É necessário ter banda larga de internet de 512 Kbps, plugin Windows Media Player instalado no navegador ou Quick Time.

DIVULGUEM

Márcia Oliveira

Rede Não Bata Eduque

Obrigada

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Participe! Adoraria ver publicado seu comentário, sua opinião, sua crítica. No entanto, para que o comentário seja postado é necessário a correta identificação do autor, com nome completo e endereço eletrônico confiável. O debate sempre será livre quando houver responsabilização pela autoria do texto (Cida Alves)